Eu não devia ter acreditado nas Mentiras Dele [História de Terror]

EU NÃO DEVIA TER ACREDITADO NAS MENTIRAS DELE história de terror mundo sombrio

Compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no tumblr

Ola me chamo Kaly, tenho 15 anos e eu… bom… tinha um amigo, quer dizer colega. Nós tínhamos uns 9 anos quando isso aconteceu.

Eu havia chegado na escola e notei um rapaz novo. Ele tinha cabelos pretos, pele morena e olhos totalmente escuros. Notei que ele era quieto, assustador e resolvi falar com ele. Eu sei, é burrice, mas toda história de terror começa assim né?

Eu falei com o menino, mas por alguma razão ele não queria me falar seu nome. Quando chegou no final de semana, ele foi para escola e eu e meu amigo não deixamos de notar um roxo em seu olho.

“Será que seus pais o agrediam?” eu me perguntava.

Um dia eu perguntei a ele sobre isso, ele me disse que sim e que precisava de ajuda. Eu sendo BURRA e inocente, falei que ia ajuda-lo. O segui ate sua casa, entrei e perguntei onde estavam seus pais. Então senti uma mão na minha cintura, olhei para o lado mas não vi ninguém e também não vi o menino, entrei em desespero e comecei a chorar.

Até que ouvi um barulho muito alto como um tapa vindo do andar de cima e uma gritaria que eu não consigo esquecer:

“COMO PODE TRAIR O SEU MESTRE? ELE LHE DEU TUDO O QUE VOCÊ SEMPRE QUIS. PAZ, SOSSEGO E AGORA VOCÊ NÃO QUER MATAR UMA SIMPLES ALMA?! QUE TIPO DE DEMÔNIO É VOCÊ?!”

Eu sei… é estranho e não dá medo, mas eu achei que queriam me assustar. Até que senti algo subindo pela minha mão. Eu a levantei para ver o que era…

“Aaaaaaaaaaaaaaaaahhh” eu gritei desesperadamente.


Havia uma aranha grande feia tecendo teia na minha mão. Eu a joguei longe e comecei a correr procurando uma saída. O lugar parecia estar abandonado há anos. Então eu vi aquele menino de novo, acorrentado, todo…rasgado…meu deus…ele ainda estava vivo, mesmo que com suas tripas de fora e o sangue escorrendo. Ele estava VIVO! Vomitei por conta do enjoo.

“Hey…saia daqui! Eu sei, eu também não devia ter acreditado nas mentiras dele”

“M-Mentiras d-d-de quem?” perguntei gaguejando.

“Satanás”

Naquele momento eu gelei e desmaiei. Quando acordei, estava em meu quarto. Não sei como fui parar ali. Será que aquilo teria sido apenas um sonho? Ou quem sabe um pesadelo? Na verdade, eu não sei, mas eu ainda o ouço gritando em meus pensamentos.

Por: EMILYREAPER

Deixe um Comentário

Pesquisa