A Enfermeira

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
'A Enfermeira' é uma história de terror assustadora sobre uma garota que acabou de começar a trabalhar em um hospital, quando um grupo de médicos decide fazer uma brincadeira cruel com ela.
a enfermeira história de terror

Uma garota havia acabado de terminar a escola de enfermagem e logo começou a trabalhar em um novo hospital. Embora adorasse seu trabalho como enfermeira, achava difícil se dar bem com as pessoas com quem trabalhava. Eles eram principalmente jovens médicos que também haviam acabado de terminar a faculdade de medicina. O problema era que eles adoravam fazer brincadeiras uns com os outros.

Ela achava muito difícil morar com eles no dormitório ao lado do hospital, porque ficavam acordados até tarde da noite e faziam muito barulho. Ela trabalhava muitas horas e precisava repor todas as energias que conseguisse. Sempre que ela reclamava do comportamento deles, os médicos travessos apenas riam na cara dela e diziam para “calar a boca gorda”.

Então, a enfermeira teve que denunciar os jovens médicos ao gerente do hospital e eles tiveram todos o tipos de problemas. Por causa disso, os médicos começaram a odiar de verdade a enfermeira e passaram dias elaborando um plano para se vingar dela. Finalmente, um dos médicos apresentou uma brincadeira realmente doentia que eles poderiam fazer com a enfermeira e os outros concordaram alegremente em ajudar.

Naquela noite, eles invadiram o necrotério – que ficava no porão do hospital – e cortaram o braço de um cadáver. Então eles entraram sorrateiramente no quarto das enfermeiras e colocaram o braço decepado embaixo da roupa de cama da moça. Eles o colocaram no pé da cama para que, quando ela se deitasse, seus pés tocassem o membro.

Eles ficaram, rindo sozinhos, esperando a jovem ir para a cama deitar-se. Quando a menina entrou no quarto, os médicos tiveram que parar de rir alto. A enfermeira meio que desconfiou do comportamento deles, mas estava cansada demais para se importar. Então, entrou no quarto e fechou a porta.

Os homens esperaram, lá no corredor mesmo, a enfermeira encontrar o braço cortado em sua cama, mas nada acontecia. Não teve gritos, nem gritos de raiva. Apenas silêncio.

Depois de um tempo, cansados de tanto esperar por algo, os médicos decidiram desistir da espera e ir para os seus respectivos quartos. Talvez tivessem colocado o braço cortado muito longe na cama e a enfermeira não deve ter sentido como tinha sido esperado por eles.

Na manhã seguinte, assim que acordaram, os médicos foram verificar a enfermeira. Não recebendo resposta quando bateram na porta dela, eles giraram a maçaneta e entraram.

A sala parecia estar completamente vazia.

Os médicos revistaram o quarto das enfermeiras e, quando abriram o armário, tiveram uma visão terrível.

A enfermeira estava encolhida no canto do armário. Seu cabelo estava completamente branco, seus olhos estavam revirados na cabeça e ela estava completamente louca. Seu rosto parecia ter 20 anos e, o pior de tudo, ela estava mastigando o braço decepado.

História de Terror traduzida e adaptada por Mundo Sombrio

Leia Mais Histórias de Terror Assustadoras
Mundo Sombrio

Mundo Sombrio

Histórias de Terror, Lendas Urbanas, Creepypastas, Relatos Sobrenaturais, Vídeos e muito mais. Mundo Sombrio: O Melhor do Terror para Você!