O Mãos-Peludas

Mãos-peludas

Em 1920, diversos acidentes começaram a acontecer numa estrada sem nada de especial. O local, na travessia de Dartmoor, em Devon, começou a ter acidentes recorrentes e inexplicáveis. Até que um motorista sobreviveu, e relatou que, antes de colidir, viu um par de mãos-peludas tomando o volante e tirando o carro da estrada.

Esse foi apenas o primeiro de vários relatos descrevendo a mesma situação. Quando um suposto investigador paranormal foi até o local, viu as mãos, presas a nenhum corpo, passeando pelo capô de seu carro.

O Mãos-Peludas

Enquanto Frederico ia com sua mulher e seus dois filhos para a praia viajando durante a noite, de repente o pneu furou. Frederico controlou o carro até encostá-lo na beira da estrada escura, sombria e deserta.

Assim que Frederico encostou o carro e se certificou de que todos estavam bem, de repente no meio daquela estrada uma mão bateu no vidro do carro, assustando a todos dentro do veículo, que ficaram apavorados, e Frederico, não vendo nada nem ninguém do lado de fora do carro, manteve os vidros fechados. Foi quando de repente do outro lado do carro ouviu-se novamente uma mão bater no vidro.

Frederico então começou a gritar perguntando quem era e o que ele queria, dizendo que não era para ele se aproximar porque ele estava armado, mas não estava, fê-lo na esperança de afugentar a pessoa que estava assustando eles com aquelas batidas de mãos no carro e Frederico olhava para todo lado e não viu ninguém, foi então que nervoso com aquela situação, um pneu furado e uma mão estranha que fica batendo no vidro do carro no meio daquela estrada deserta e escura, Frederico saiu do carro aos gritos da mulher e dos filhos dizendo para ele não fazer isso, mas ele, teimoso, saiu do carro e deu a volta por todo o veículo procurando a pessoa que estava assustando a sua família com aquelas batidas no vidro do carro.

Foi quando de repente Frederico olhando pela escuridão da noite por trás do carro, viu duas mãos peludas com unhas enormes saindo da escuridão e vindo em sua direção e, quando Frederico deu por si, já havia sido completamente estripado pelo Mãos-Peludas.

A família assustada com o barulho estranho que fizera atrás do carro e o silencio de Frederico, começaram a gritar pelo seu nome, mas Frederico não podia responder, pois estava morto estripado atrás do carro.

Foi então que, depois de alguns minutos gritando pelo nome do marido, a mulher viu entrar no carro pelo lado do motorista O Mãos-Peludas, uma criatura feita apenas de duas mãos peludas com unhas afiadas, um par de mãos peludas sem corpo e, apavorada, ela ficara muda junto com os dois filhos no banco de trás. O Mãos-Peludas fechou a porta do carro e com suas duas mãos peludas e com unhas afiadas, de repente tomou o volante e começou a dirigir; arrancou com o carro mesmo com o pneu furado e enquanto acelerava o carro com a mulher e seus dois filhos dentro, o Mãos-Peludas jogou o carro dentro de um abismo gigantesco, matando toda a família de Frederico.

Por: Katerine Dumont

Leia Mais Histórias de Terror Assustadoras
Mundo Sombrio

Mundo Sombrio

Histórias de Terror, Lendas Urbanas, Creepypastas, Relatos Sobrenaturais, Vídeos e muito mais. Mundo Sombrio: O Melhor do Terror para Você!

Compartilhe com os Amigos

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

SELECIONADOS PARA VOCÊ

POSTS POPULARES