O segredo da Arca de Noé está sendo investigado em Istambul

por Mundo Sombrio
133 visualizações
Continua após a publicidade..

Amostras retiradas da área que se acredita ser a Arca de Noé em Agri foram levadas para o Laboratório da Universidade Técnica de Istambul. Após os resultados, pode-se determinar se há vestígios da Arca de Noé na área ou não, relata expatguideturkey.com.

Embora a Arca de Noé, que surgiu no dilúvio descrito nos livros sagrados, tenha sido procurada por séculos, acredita-se que ela esteja no Monte Ararat. A equipe de pesquisa estabelecida pela Universidade Agri Ibrahim Cecen (AİCU) e pela Universidade Técnica de Istambul (ITU) começou a trabalhar na área que se acredita serem as ruínas da Arca de Noé há cerca de 2 meses.

Cerca de 30 amostras de rocha e solo coletadas na área de estudo, que foram realizadas com permissões especiais sob a coordenação do Gabinete do Governador, foram trazidas de Agri para Istambul, para o laboratório da universidade, para serem investigadas.

Samples3 • mundo sombrio
Crédito: expatguideturkey.com

Sobre o processo estudado em diferentes disciplinas, o vice-reitor e reitor da Faculdade de Mineração da ITU, Prof. Dr. Mustafa Kumral, e o chefe do Departamento de Engenharia Geológica da ITU, Prof. Dr. Emin Ciftci, fizeram declarações.

Continua após a publicidade..

Após os estudos de laboratório, que devem durar cerca de 1 mês, pode-se determinar se há vestígios da Arca de Noé ou não.

O vice-reitor da ITU e reitor da Faculdade de Mineração, Prof. Dr. Mustafa Kumral, disse:

“Nosso objetivo é revelar se a estrutura aqui é diferente da estrutura geológica geral ao redor ou não? Para revelar isso, serão feitas observações macro e micro. Os materiais encontrados serão submetidos a análises químicas. Nessas análises químicas, essas estruturas tem uma química adequada à mineralogia geral e à geologia daquela região. Será que essa diferença apontará para a Arca de Noé?”

A lenda de Noé é reconhecida por três religiões principais: cristianismo, judaísmo e islamismo. Há apenas uma exceção – o Alcorão afirma que a arca do profeta Nuh (na Bíblia – Noé) não pousou em Ararat, mas no Monte Judy, no sudeste da Turquia. Mas isso são detalhes, já que eles continuaram a procurar o lendário navio durante séculos precisamente nas encostas do Ararat.

No início do século XIX, Friedrich Parrot alcançou o topo da montanha. Foi ele quem descobriu uma enorme saliência plana, que bem poderia servir de cais para a arca de Noé.

Meio século depois, o inglês James Bruce, que escalou sozinho, encontrou uma viga de madeira a uma altitude muito elevada “com vestígios óbvios de ter sido projetada com a utilização de ferramentas”.

Alguns anos depois, os meteorologistas turcos supostamente tropeçaram na estrutura de um antigo navio saindo de uma geleira. Jornais de todo o mundo anunciaram a descoberta.

Continua após a publicidade..

Em 1916, o piloto russo Vladimir Roskovitsky, que sobrevoava o Ararat, relatou os restos de um enorme navio que viu. Isso foi relatado ao imperador Nicolau II, e ele, dizem, até ordenou a preparação da expedição. Mas 1917 estabeleceu novas tarefas.

E em 1952, o francês Fernand Navarre, que dedicou quase 20 anos à busca da arca, disse ter certeza absoluta de ter descoberto o navio.

Seu livro, que continha um relato da expedição, chamava-se: “Encontrei a Arca de Noé”. É verdade que os cientistas que examinaram os achados que lhes foram entregues não puderam confirmar nem refutar a opinião do viajante.

Siga-nos no Instagram e no Facebook também!

Escolhidos Para Você

Deixe um Comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados pelo Mundo Sombrio.

sitemundosombrio@gmail.com

Mundo Sombrio © 2015 Todos os Direitos Reservados

Bloqueador de Anúncios Detectado

Os anúncios nos ajudam a manter o site no ar e trazer sempre mais terror para vocês. Por favor, desative o seu bloqueador de anúncios!