Exorcismo de Emily Rose, a Terrível História de Anneliese Michel

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Existem muitos fatos inexplicáveis sobre o caso que deu origem ao filme 'O Exorcismo de Emily Rose'. A maioria deles não foi ainda resolvida, ficaram intocáveis ou ainda permanecem em segredo.
Exorcismo de Emily Rose, a Terrível História de Anneliese Michel mundo sombrio

Ao longo dos anos, muitas pessoas são cautelosas em se aprofundar nesse assunto paranormal e deixam isso para aqueles que são corajosos o suficiente para enfrentar o que eles chamaram posteriormente de O Exorcismo de Emily Rose.

É verdade que um demônio pode possuir e controlar o corpo humano e fazer com que ele aja de forma violenta ou diga palavras ruins? Ou é apenas uma desordem psicológica, que é como a ciência classifica esse fenômeno?

Como acreditam especialistas, embora as vítimas estejam possuídas pelo mal, elas não são consideradas más, nem totalmente responsáveis por suas ações. Portanto, os praticantes consideram o exorcismo mais como uma cura do que uma punição. Como resultado, algumas pessoas possuídas foram curadas, mas algumas nunca mais voltaram ao seu corpo e acabaram morrerendo.

A História de Anneliese Michel que deu origem ao filme ‘O Exorcismo de Emily Rose’

Anneliese Michel, 23 anos, menina muito religiosa e bem nutrida, morreu em 1º de julho de 1976 após quase 9 meses de exorcismo. Tudo começou 8 anos antes, quando ela começou a tremer sem explicação. Mais tarde, ela foi diagnosticada com Epilepsia, também conhecida como “Grande Mal”. Depois disso, ela mudou muito e a maior parte do tempo se encontrava deprimida.

Anneliese michel 05 • mundo sombrio
Família Michel e Anneliese é a primeira da esquerda para a direita

Depois de uma longa estadia no hospital, ela pensou que tudo voltaria ao normal, mas não foi o caso. Ela começou a ver rostos diabólicos nos rostos das pessoas durante suas orações diárias.

A partir desse momento, passou-se a acreditar que ela estava possuída. Pois ela não conseguia encontrar nenhuma explicação para o fato de ela ver aquelas caras demoníacas. Mais dias se passaram e ela passou a ouvir vozes seguindo-a, dizendo que Anneliese ia ” ficar ensopada no mar do fogo do inferno”.

Ela foi ficando ainda mais deprimida, mas mesmo assim, achava que, por causa da sua condição de “possuída”, não adiantaria em nada procurar por ajuda médica. Ela hesitou em falar aos médicos sobre “Demônios” porque ela tinha medo de que a achassem louca. Uma vez, ela contou a um doutor sobre os “Demônios”, e o resultado foi como ela esperava.

Finalmente, seus pais notaram que sua filha poderia estar possuída, então eles pediram a diferentes pastores que fizessem um ritual de exorcismo. Infelizmente, os Capelães Católicos rejeitaram e recomendaram que continuassem com as medicações para que a prova de posse (Infestação) fosse estritamente estruturada, pois antes que todos os critérios fossem cumpridos, o Bispo não aprovaria nunca um Exorcismo.

O pastor Ernst Alt, supervisionando Anneliese na época, pediu ao Bispo de Würzburg a permissão para realizar um Exorcismo em Anneliese Michel em 1974. Seu pedido também foi rejeitado, então ele recomendou que Anneliese tivesse um estilo de vida ainda mais religioso.

Mas os ataques não pararam, e ela se tornou mais terrível. Na casa de seus pais em Klingenberg, ela frequentemente insultava, batia e mordia os membros da família. Ela não comia porque os demônios não permitiam que ela se alimentasse. Anneliese dormia em um chão de pedra, comia aranhas, moscas e carvão. Ela até bebia sua própria urina.

Por horas, ela gritava pela casa. Anneliese quebrava crucifixos, destruía pinturas de Jesus e também rosários. Corria pela casa, arrancava as roupas do corpo dela e urinava no chão. Ela até cometia automutilação.

Após uma verificação mais profunda em setembro de 1975, Josef Stangl, o Bispo de Würzburg, atribuiu ao Padre Arnold Renz e ao Pastor Ernst Alt a ordem de realizar “O Grande Exorcismo” em Anneliese Michel.

A base para este ritual é o “Rituale Romanum”, uma lei canônica ainda válida do século XVII. O pastor Alt e o padre Renz tentaram salvar Anneliese, entretanto, mais de 6 indivíduos (Lúcifer, Judas Iscariotes, Nero, Caim, Hitler e Fleischmann, um padre franco desonrado do século XVI, e alguns outros “Condenados”), se manifestaram através dela.

De setembro de 75 a julho de 76, foram realizadas 1 a 2 sessões de exorcismo por semana. Às vezes seus ataques eram tão fortes, que ela tinha que ser segurada por 3 homens, ou eles tinham que acorrentá-la.

Anneliese michel sendo segurada pelos participantes do ritual de exorcismo. Este que deu origem ao filme 'o exorcismo de emily rose'
Anneliese Michel sendo segurada pelos participantes do Ritual de Exorcismo. Este que deu origem ao filme ‘O Exorcismo de Emily Rose’

Entre essas sessões na casa de seus pais, Anneliese ficava por um tempo sem ter ataques, em que ela ia para a escola, fazia seus exames finais na Academia Pedagógica em Würzburg e ia à igreja. Assim como ela era antes.

O Exorcismo continuou ao longo de semanas e meses, sempre rezando as mesmas orações e encantamentos específicos, uma e outra vez. Como esperado, o ritual parecia estar funcionando, mas os ataques não pararam. A jovem ficava inconsciente e paralisada com mais frequência.

Às vezes os pais estavam presentes, ou suas irmãs. Até mesmo um casal, que alegava ter “descoberto” a condição possuída de Anneliese. Durante várias semanas, ela negava todas as comidas. Seus joelhos estavam estourados, por causa das 600 Genuflexões que ela fez obsessivamente durante os Exorcismos. Durante o ritual, foram gravadas mais de 40 fitas de áudio para registrar a possessão da moça.

O último dia do Exorcismo foi 30 de junho de 1976. Mas ela não conseguia mais fazer as Genuflexões, porque Anneliese estava sofrendo de Pneumonia, totalmente emaciada e com a temperatura altíssima.

Os pais dela até a ajudaram a fazê-las. “Implorem por perdão.”, foi a última frase que Anneliese disse aos Exorcistas. Para sua mãe, ela disse: “Mãe, eu estou com medomedo.” Anna Michel registrou a morte de sua filha no dia seguinte, 1º de julho de 1976. Ao meio-dia, o pastor Ernst Alt informa as autoridades de acusação em Aschaffenburg. O Promotor Sênior então começou a investigar.

Anneliese michel 15 • mundo sombrio
Enterro de Anneliese Michel – O Exorcismo de Emily Rose

Só havia 2 perguntas a serem respondidas. O que causou a morte de Anneliese Michel, e quem foi o responsável por isso?

O Julgamento dos envolvidos no Exorcismo de Emily Rose

A causa da morte, como diagnosticada pela Perícia Forense dizia que: “Anneliese morreu de fome.” Se os acusados tivessem começado com uma alimentação forçada, uma semana antes de sua morte, a vida de Anneliese poderia ter sido salva. Sua irmã disse em frente ao tribunal que Anneliese não queria ir a um Hospício, não queria ser sedada e nem forçada a comer.

Os Exorcistas tentaram provar a presença dos demônios, tocando as fitas que gravaram. Havia diálogos tão estranhos, como dois dos demônios discutindo sobre quem deles teria que deixar o corpo de Anneliese primeiro.

O demônio, que se chamava Hitler, falava com sotaque franco (Hitler nasceu austríaco). Nenhum dos presentes durante os Exorcismos teve dúvidas de que aquilo não eram realmente demônios possuindo a garota.

Mais tarde, uma Comissão da Conferência Episcopal Alemã declarou que Anneliese Michel não estava possuída.

O julgamento foi – embora os pais e os capelães tenham sido julgados culpados – não tão duro quanto o esperado. Todos os acusados foram condenados a 6 meses de prisão em liberdade condicional, por homicídio culposo decorrente de negligência e omissão de primeiros socorros.

Os acusados deveriam ter ajudado cuidando do tratamento médico que a garota precisava. Mas, em vez de fazê-lo, agravaram a situação ruim, usando práticas ingênuas e ineficazes.

Em contrapartida, seu corpo não se decompôs. Ele foi exumado 1 ano e meio após o enterro. As pessoas acreditavam que o corpo de Anneliese nem sequer encontrou paz após a morte da garota. Até agora, seu túmulo é um lugar de peregrinação para peregrinos orando rosários que ainda pensam que Anneliese Michel derrotou o Diabo.

Túmulo de anneliese michel exorcismo de emily rose
Túmulo de Anneliese Michel

Ouça uma parte extraída do áudio original do Exorcismo de Anneliese Michel

Essa é a verdadeira história que deu origem ao filme ‘O Exorcismo de Emily Rose’!

Mundo Sombrio

Mundo Sombrio

Histórias de Terror, Lendas Urbanas, Creepypastas, Relatos Sobrenaturais, Vídeos e muito mais. Mundo Sombrio: O Melhor do Terror para Você!