Vídeo: Caso Isaura e Ailton, a menina que Incorporou o Espírito do Primo Morto

Caso isaura e ailton, a menina que incorporou o espírito do primo morto
Conheça o misterioso caso de Isaura e Ailton. Uma menina de 13 anos que passou a se comportar estranhamente de repente. Segundo parentes, ela estava possuída pelo espírito do primo Ailton, morto 3 anos antes.

Em 1981, o Fantástico transmitiu o misterioso caso Isaura e Ailton. Isaura, uma garotinha de apenas 13 anos que morava no interior do Pacaembu/SP e começou a reclamar de dor de cabeça um dia e depois teve uma febre muito forte. Depois disso, ela parou de falar e nunca mais saiu da cama. Os pais, preocupados tentavam incansavelmente falar com ela, mas ela não respondia mais.

Tudo sinaliza que a febre teria atingido o sistema nervoso central da pobre criança, o que prejudica até o departamento de fala. Mas então, certo dia, a garota escreveu um bilhete que surpreendeu a todos os familiares. Era um bilhete muito estranho: no bilhete dizia que não era Isaura e sim Ailton.

Caso isaura e ailton disponibilizado pelo fantástico
Isaura e Ailton

Isaura e Ailton

Ailton era um primo que ela não conhecia e que tinha morrido há 3 anos em outra cidade. Ao ver o nome do falecido primo no bilhete, os pais da menina logo suspeitaram que se tratava do mesmo parente já falecido, mas como se ela nunca tinha conhecido o jovem afogado no rio?!

Ailto • mundo sombrio
Ailton

O programa de domingo da Rede Globo, Fantástico, acompanhou este evento e o levou ao famoso médium brasileiro Chico Xavier.

Na mensagem Isaura disse que não morava naquele lugar e queria ir “para casa”.

O Fantástico, ainda interessado pelo caso, resolveu levar a garota em um “passeio”. Nesse momento, a menina já havia voltado a andar e agora se vestia com roupas de menino, incorporando completamente o comportamento do jovem Ailton.

Um detalhe importante a ser observado é que a família tanto de Isaura quanto de Ailton não eram espíritas, mas sim católicas.

O programa da Globo então resolveu levar a garota para a cidade de Ailton. Ao chegarem, para espanto de todos, inclusive dos jornalistas do Fantástico, Isaura reconheceu parentes do primo morto, abraçou-os e deu detalhes, inclusive falando nomes de parentes até de vizinhos.

Outro fato interessante é que agora Isaura, que nunca chegou perto de uma bicicleta, incorporada como Ailton, passou a andar de bicicleta com total facilidade e sem nenhuma dificuldade.

Isaura e ailton andando de bicicleta
Isaura e Ailton andando de bicicleta

O que é ainda mais chocante é que para uma garota que nunca aprendeu a nadar, agora nadava com desenvoltura junto com os antigos companheiros de Ailton numa piscina da vizinhança onde o jovem costumava se divertir.

A garota chegou a levar os repórteres do Fantástico a um lugar onde nem os parentes de Ailton tiveram a coragem de ir: no rio onde ele se afogou. Ela ainda deu detalhes, que depois foram confirmados pelos meninos que estavam com Ailton no dia de sua trágica morte.

Dado momento, Isaura apontou para o local exato onde Ailton se afogou, um lugar que nem mesmo os familiares conheciam, e a maneira como ela começou a falar foi intrigante. Ela pronunciava as palavras com a boca fechada, como se algo a impedisse de movimentar os lábios. Consequentemente, era difícil entender o que a garota dizia enquanto se comportava como Ailton.

Isaura respondia como se fosse o garoto falecido, eventualmente o Fantástico levou-a para mostrar a eles onde Ailton estava enterrado. A garotinha entrou sozinha na pequena necrópole e foi direto até a tumba do primo falecido e mostrou exatamente qual era o túmulo dele.

Isaura e ailto • mundo sombrio
Isaura mostra o túmulo no local exato onde o primo desconhecido tinha sido enterrado

A família de Ailton imediatamente o reconheceu nos trejeitos da prima que tinha vindo de longe. Para eles, era verdade: Ailton estava de volta. Depois de algum tempo, Isaura incorporada, contou às pessoas que estava chegando o dia em que Ailton iria deixar o corpo dela. O espírito informou ao fantástico que sairia quando todos os vizinhos tivessem cessado uma novena por sua alma, o que aconteceu rapidamente, mas estranhamente Ailton não saiu, dizendo que ainda faltava um tempo.

O dia marcado chegou e o Fantástico cobriu o momento em que “Ailton” se deitou, avisando que iria finalmente partir. Naquela noite, as pessoas da família ficaram em claro. Ninguém conseguiu dormir, até que a porta do quarto se abriu, e Isaura apareceu, completamente diferente, tímida e muito envergonhada, não parecia entender o que fazia usando roupas de menino.

Havia traços de choro em seu rosto. A menina parecia confusa quando foi questionada, mas disse que não estava “desligada” por completo, pois contou que se recordava do repórter que ela só viu enquanto estava incorporada de seu primo falecido. Pronunciou que iria sentir falta do Ailton e que ele nunca mais voltaria. Depois de receber um vestido novo da mãe, ela não deu mais sinal nenhum de Ailton e voltou a falar normalmente.

O caso Isaura e Ailton é um caso muito raro. Talvez uma isca? Um estratagema para atrair o público, ou chamar a atenção das pessoas, ou de alguém específico? Pode ser. No entanto, precisamos ter em mente que, para que isso fosse possível, seria necessário um esquema inteiro e complexo com muita gente envolvida para tornar esse golpe uma realidade. Por exemplo, como a menina aprendeu a andar de bicicleta tão rápido? Como ela sabia os nomes até dos parentes dos vizinhos de Ailton? Isso exigiria o apoio de familiares imediatos da cidade de Ailton. Igualmente intrigante, o fantasma foi capaz de mostrar e revelar os detalhes do afogamento, coisas que o relatório dizia que nem mesmo a família sabia.

Segundo Chico Xavier:

O espírito do menino voltou porque ainda tinha alguma missão para cumprir na terra

Há uma hipótese de que Ailton “possuía” o corpo da prima. No entanto, esta hipótese parece ser uma má interpretação do que realmente aconteceu. É possível que Isaura fosse médium e estivesse totalmente incorporada, então ela ainda permanecia ali, como demonstrou ao dizer que se lembrava do repórter. Em uma situação possessiva, a vítima fica completamente desligada – isso tendo em vista a possibilidade de que isso seja realmente possível.

Além disso, é errado usar o termo reencarnação, já que Ailton continuava no plano espiritual, influenciando apenas sua prima de forma poderosa.

Confira a Reportagem do Fantástico

Mundo Sombrio

Mundo Sombrio

Histórias de Terror, Lendas Urbanas, Creepypastas, Relatos Sobrenaturais, Vídeos e muito mais. Mundo Sombrio: O Melhor do Terror para Você!

Compartilhe com os Amigos

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

SELECIONADOS PARA VOCÊ

POSTS POPULARES