O Homem do Gancho

por Mundo Sombrio
182 visualizações
o homem do gancho lenda urbana mundo sombrio
Continua após a publicidade..

Numa noite sufocante de verão, a escuridão envolvia o adolescente e sua nova namorada enquanto eles adentravam os limites sombrios da periferia da cidade. Atravessaram ruas desoladas até finalmente estacionarem o carro num local isolado, conhecido por seu sinistro apelido: o beco do amor.

Enquanto os dois se perdiam no brilho tentador das luzes distantes, o garoto envolveu o braço ao redor da garota e sintonizou o rádio do carro, na esperança de encontrar uma melodia romântica. Inclinando-se, o jovem casal mergulhou em beijos apaixonados e abraços carregados de desejo. Porém, o clima de paixão foi brutalmente interrompido pelo silêncio repentino e pela voz perturbadora de um locutor de notícias que ecoou pelo rádio.

“Este é um anúncio de emergência. Mais cedo, nesta noite, um assassino insano conseguiu escapar das sombrias entranhas do asilo estadual de saúde mental. A polícia adverte a todos os cidadãos para que se mantenham em alerta, pois o fugitivo é considerado armado e extremamente perigoso. Chamado de ‘O Homem do Gancho’ devido à cruel substituição de sua mão direita por um gancho de aço, aqueles nesta área devem ficar vigilantes. Se avistarem algo suspeito, relatem imediatamente à polícia.”

Casal apaixonado no carro o homem do gancho lenda urbana

Um calafrio percorreu o corpo da garota, que implorou para que o rapaz a levasse de volta para casa. Ciente da proximidade do asilo estadual de saúde mental com o sinistro beco do amor, ela temia que aquele local remoto fosse o esconderijo perfeito para um homem louco e desequilibrado.

Continua após a publicidade..

O garoto, no entanto, tentando demonstrar bravura, assegurou à namorada que estavam perfeitamente seguros. Determinado, trancou todas as portas do carro e tentou beijá-la novamente. Desesperada, a garota o empurrou, insistindo que deixassem o lugar imediatamente.

Irritado, o garoto acelerou o carro, fazendo os pneus cantarem ao deixarem a vaga de estacionamento.

Durante o retorno à cidade, uma calmaria pairou sobre eles, mas a garota ainda segurava seu namorado com firmeza, como se tivesse uma premonição sinistra a lhe perturbar a mente.

Ao chegarem em frente à casa da garota, o garoto saiu do carro e caminhou em volta para abrir a porta para sua amada.

Por um longo momento, ele permaneceu parado ali, fitando a porta. Inicialmente, a garota não conseguiu entender o que estava errado, até que percebeu que a porta ainda estava trancada. Um sorriso nervoso se desenhou em seu rosto quando ela destrancou a porta.

No entanto, o garoto continuou imóvel.

A confusão tomou conta da garota, que abaixou o vidro da janela. E então, seus olhos captaram a visão que desencadeou uma onda de terror indescritível. Pendurado na maçaneta da porta, mergulhado em sombras e coberto de sangue coagulado, estava um gancho de aço macabro.

O coração da garota gelou e seus gritos ecoaram pela noite. Uma mistura de horror e pavor se espalhou pelo seu corpo enquanto ela encarava o objeto ensanguentado. Era como se a presença sinistra do Homem do Gancho tivesse se materializado diante deles.

O garoto, finalmente, rompeu seu estado de paralisia e lançou um olhar aterrorizado para o gancho maligno. A verdade horrível se abateu sobre eles: eles escaparam por pouco de um destino terrível nas mãos do assassino insano que assombrava seus pesadelos.

O homem do gancho lenda urbana

Em meio ao caos emocional, a garota puxou a porta com força e entrou no carro, puxando o garoto consigo. Aterrorizados, eles se agarraram um ao outro enquanto o motor rugia e o veículo rasgava a escuridão, afastando-os daquele local maldito.

Continua após a publicidade..

A partir daquela noite fatídica, suas vidas nunca mais foram as mesmas. O beco do amor se transformou em uma lembrança traumática, e a sombra do Homem do Gancho pairava sobre eles constantemente, um lembrete constante da fragilidade da vida e da brutalidade que espreitava nas profundezas da escuridão.

Cada ruído noturno os fazia estremecer, cada sombra projetada trazia à tona a memória do gancho ensanguentado. Eles nunca mais conseguiram se sentir verdadeiramente seguros, sabendo que o mal ainda estava lá fora, esperando nas sombras, pronto para atacar novamente.

Assim, a lenda sombria do Homem do Gancho ganhou vida, passando de boca em boca, alimentando os pesadelos dos que ousavam estacionar no beco do amor. A história se espalhou, incutindo medo e precaução nas mentes daqueles que ouviam, lembrando a todos que o horror pode estar ao virar da esquina, pronto para desferir seu golpe mortal.

Autor: Luca Esteves

Siga-nos no Instagram e no Facebook também!

Escolhidos Para Você

Deixe um Comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados pelo Mundo Sombrio.

sitemundosombrio@gmail.com

Mundo Sombrio © 2015 Todos os Direitos Reservados

Bloqueador de Anúncios Detectado

Os anúncios nos ajudam a manter o site no ar e trazer sempre mais terror para vocês. Por favor, desative o seu bloqueador de anúncios!